FIRESPAWN – Mais Um Capítulo Do Gênio LG Petrov Em Edição De Luxo

 

Firespawn é um supergrupo sueco de Death Metal, e sua competência sonora fala por si só. Mas após o falecimento da lenda Lars Göran Petrov, falar sobre eles acaba se tornando mais especial, mais emocional, ao mesmo tempo que é uma nova oportunidade de reverenciarmos sua genialidade.

Formado por Petrov (ENTOMBED A.D., EX-ENTOMBED – vocal), Fredrik Folkare (NECROPHOBIC, UNLEASHED – guitarra), Victor Brandt (DOMINION, ENTOMBED A.D., NECROCIDE, EX-ENTOMBED, SIX FEET UNDER – toca contrabaixo ao vivo – guitarra), Alex Friberg (também conhecido como A. Impaler, EX – NECROPHOBIC, EX-KARNEYWAR – contrabaixo) e Matte Modin (SARCASM, SKINEATER, EX-DARK FUNERAL – bateria), após sua estreia com o grande Shadow Realms (lançado no Brasil pela Extreme Sound Records), o Firespawn veio ainda mais retumbante no seu segundo capítulo. The Reprobate é ainda mais espetacular que seu antecessor, é fundamental que você o conheça.

Mas atenção, pare tudo, vá até seu guarda-roupas e vista seu melhor terno. A versão nacional de The Reprobate feita pela Extreme Sound Records é luxo puro. Slipcase envernizado, com um dos lados fechados, pôster e encarte com nada menos que 20 páginas. Fantástico! Uma demonstração de respeito com o fã que adquire o material físico, e com a banda, que tem sua obra apresentada de forma grandiosa. Agora afrouxe a gravata e vamos lá.

Serpent Of The Ocean abre o álbum. Com uma intro rápida, que já dá lugar à pancadaria. Impossível não ser atingido por essa bateria matadora. Tem um refrão marcante, não à toa foi escolhida como primeiro single. Assista o clip.


Blood Eagle é direta, no peito. Uma característica marcante são os sweap picking, num grande trabalho de guitarra.

Full Of Hate é outro single. Uma faixa comandada pela guitarra, apresentando um misto de riff e fraseado. O vídeo mostra um clima de ensaio, e é muito legal de ver. Ela termina sem aviso-prévio.


O death metal é um estilo onde cai bem letras e títulos em latim. Damnatio Ad Bestias quer dizer condenação das bestas, em tradução livre. Outra faixa foda.

Death By Empalement tem uma pegada stoner. E funciona muito bem com a batera de death. Faixa muito criativa.

General´s Creed é uma faixa guiada pelo vocal. A impressão que se tem é que ela funcionaria somente com LG Petrov, sem instrumental. Imagine ela somente com vocal e me diga. Era um gênio, realmente.

Em White Chapel Murderer o Firespawn maneirou na velocidade. Mostrando que existe vida inteligente abaixo de 300 por hora. E funcionou muito bem.

A Patient Wolf é rápida. O predador pode ser paciente, mas é mortal. Uma aula de death metal.

A faixa título The Reprobate é a mais soturna do cd, remetendo ao seu nome, que em tradução livre, é condenado por Deus, ou banido da sociedade.

Nithgwalkers fecha o álbum. Uma das minhas faixas favoritas. As guitarras e a bateria funcionam muito juntas, destacando as variações.

O segundo full lengh dessa seleção de craques chamada Firespawn é um primor. Grande trabalho, grande canções, um grande momento de grande talentos. E a edição nacional é simplesmente fantástica. Você pode adquirir a edição  nacional clicando  AQUI.
Salve, Firespawn!
Salve, LG Petov!

Compartilhe!

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook

Veja Também!